Onze professores da Coppe na lista de cientistas mais citados do mundo

A Coppe/UFRJ teve onze de seus professores relacionados entre os mais importantes cientistas do mundo, incluindo o diretor da instituição, professor Romildo Toledo, e o ex-diretor, professor Edson Watanabe. O ranking foi elaborado pelo professor da Universidade de Stanford, John Ioannides, em colaboração com Kevin Boyack, da SciTech Strategies, e Jeroen Bass, da Elsevier, e foi publicado na plataforma PLOS Biology.

  • Pesquisadores da Coppe desenvolvem tecnologia inovadora para tratamento de câncer

    Professores e pesquisadores da Coppe/UFRJ desenvolveram uma nanotecnologia inovadora para tratamento de câncer por hipertermia. Os pesquisadores liderados pelo professor Dilson dos Santos sintetizaram nanocubos de paládio e nanopartículas de paládio e óxido de cério, ambas sob a forma de hidreto. Essa tecnologia, ainda deve ser testada in vivo, de modo a permitir uma melhor adequação dos parâmetros para, mediante irradiação por laser, eliminar células tumorais com alta eficiência e sem afetar as células saudáveis ao redor do tumor.

  • Professores da Coppe e do Instituto de Biologia lançam livro sobre Biotecnologia Marinha

    O professor da Coppe/UFRJ e do Instituto de Biologia (IB/UFRJ), Fabiano Thompson, e a professora Cristiane Thompson, também do Instituto de Biologia, lançaram, no início de outubro, o livro Biotecnologia Marinha. Primeiro do gênero no Brasil, o livro contou com a colaboração de dezenas de autores, dentre os quais 13 da Coppe (incluindo os professores Laura Bahiense, Diogo Tschoeke, Luiz Landau e Rogério Valle, in memorian) e dez do Instituto de Biologia.

  • Coppe desenvolve sistema de monitoramento que poderá ajudar no tratamento da Covid-19

    Pesquisadores da Coppe/UFRJ desenvolveram um sistema computacional, com uso de tecnologias contemporâneas, para apoiar no acompanhamento de pacientes internados, vítimas da Covid-19. Um oxímetro capaz de se comunicar com o sistema também foi desenvolvido para ser acoplado em cada paciente, disponibilizando, on-line e em tempo real, os dados sobre o índice de oxigenação no sangue, frequência cardíaca e temperatura.

/ Perfil

Jacques de Medina: o engenheiro que se descobriu professor

Carioca, nascido em 1925, o professor emérito da Coppe/UFRJ, Jacques de Medina, ingressou na Coppe, em 1967, quando...

/ Livro

Fragmentos de um Discurso Acadêmico

“Fragmentos de um Discurso Acadêmico” apresenta o percurso profissional e atividades realizadas pelo docente, com 42...

/ Vídeos da COPPE

Conheça os 13 programas da Coppe UFRJ sob o olhar de seus coordenadores

/ Newsletter COPPE

Assine a newsletter e receba em seu email as principais notícias da Coppe.